Turismo

Ministro Eliseu Padilha fala ao trade em entrevista ao FESTURIS

ENTREVISTA: Ministro fala sobre aeroportos regionais, turismo e crise

O Ministro da Aviação Civil do Brasil Eliseu Padilha participa do FESTURIS - Feira Internacional de Turismo 2015 que ocorre em Gramado na próxima semana. Em entrevista exclusiva ele fala sobre o seu ministério, o setor turístico e conversa com o trade sobre projetos.
 
Pergunta 1
 Ministro, hoje, em função da alta do dólar, a política do Governo é o incremento do turismo interno. Quando se quer incrementar esta indústria, o tema regionalização dos aeroportos é item básico e interessa ao trade. Como o senhor vê esta questão?
Resposta  - Um dos fatores mobilizadores do Programa dos Aeroportos Regionais foi propiciar que sítios turísticos do Brasil inteiro que não eram conhecidos nem pelos brasileiros e menos ainda pelo público externo passem a despertar o interesse nos nossos destinos.

Pergunta 2
 Outra política do Governo para o Turismo é fortalecer os negócios turísticos com a América do Sul. Mais uma vez as questões aeroportuárias são um assunto importante e interessam ao setor turístico.
 Nossos aeroportos brasileiros, quando se trata da relação internacional, são disparados os melhores aqui da América Latina. Nosso sistema aeroportuário é aprovado por 82% da população como ótimo e bom. Então a questão principal pode ser a passagem aérea. Temos que vender mais aos nossos vizinhos as nossas possibilidades turísticas e reavaliar o valor das passagens.
 
Pergunta 3
 O senhor corrobora da opinião de que o Turismo está em alta no país, apesar da crise econômica?
Resposta - Crise para uns é oportunidade para outros. Temos que escolher. E o setor turístico brasileiro tem tudo para colocar-se no campo das oportunidades. Com a crise, o dólar sobre e a viagem internacional se torna mais difícil. Com isso as pessoas vão viajar dentro do Brasil, é a oportunidade de crescimento do turismo interno.
 
Pergunta 4
 O senhor acha viável o Aeroporto das Hortênsias em Canela ou Aeroporto Regional em Caxias do Sul com operacionalização de alto nível?
Resposta - O Aeroporto de Vila Oliva, estamos trabalhando para que seja concedido à iniciativa privada para operações de carga e descarga e também de transporte de passageiros para toda a região. Não há briga com o Aeroporto Hortênsias que seria mais focado em turistas. Imagina como seria proveitoso, por exemplo, voos saindo do exterior e vindo direto para a Região das Hortênsias.

Pergunta 5
 O Plano de Aviação Regional do Governo prevê a construção de 270 aeroportos, este processo é lento ou está em fase de aceleração?
Resposta - O programa teve um tempo de maturação, tempo de aprendizado. No início deste ano já andamos muito. Neste momento 100 destes 270 aeroportos na fase do Licenciamento Ambiental e após, vamos para a licitação, que é pelo regime de RDC (Regime Diferenciado de Contratação). Vai ser rápido e os aeroportos vão sair do papel.
 
Pergunta 6
 Em um momento de recessão que medidas práticas o Ministério de Aviação Civil pode adotar em favor do setor turístico?
Resposta - Vamos buscar voos onde ainda não existem. O momento é de cuidar agora do turismo interno, Temos que entender como franquear o grande potencial turístico brasileiro. É possível manter o setor e quem sabe até aquecer, e, neste caso ter muito mais possibilidade de demanda do que tínhamos anteriormente.
 
SERVIÇO
 FESTURIS- Feira Internacional de Turismo 2015/ 27ª edição
 Quando: de 5 a 8 de novembro de 2015
 Onde: Gramado RS
 Solenidade de Abertura: dia 5, às 20 horas no Palácio dos Festivais.
 Congresso: dias 6 e 7, às 8h15 e 8h30, no Palácio dos Festivais.
 Feira: dias 6 e 7, das 14 às 19 horas no Serra Park.
 

25º Festuris recebe convidados na capital Evento foi apresentado oficialmente na noite desta quinta, no Hotel Laghetto Viverone Moinhos

Em um momento de emoção para organizadores e convidados, o sucesso alcançado em 25 anos de trajetória do Festival do Turismo de Gramado foi brindado na noite desta quinta-feira (10), no Espaço de Eventos do Hotel Laghetto Viverone Moinhos, em Porto Alegre. O novo local escolhido para o tradicional encontro com os gaúchos tem como forte motivação o fato de a Rede Laghetto, também de Gramado, ter sido fundada no mesmo ano que o Festuris – 1989. Um dos pontos altos da celebração foi o sorteio de prêmios, entre os participantes.
 Mais de 600 pessoas, entre autoridades, imprensa e trade, prestigiaram a noite comandada pelos diretores do festival, Marta Rossi, Eduardo Zorzanello e Marcus V. Rossi. A secretária de Turismo do Estado, Abgail Pereira; o secretário do Turismo de Porto Alegre, Luiz Fernando Moraes; o vice-prefeito de Gramado, Luiz Antônio Barbacovi; o presidente da Associação Brasileira dos Agentes de Viagem do Rio Grande do Sul (Abav-RS), Danilo Kehl Martins; e o gerente Comercial da Rede Laghetto, Carlos Blödorn, estiveram entre as autoridades presentes. O cerimonial foi conduzido pela apresentadora de TV Cris Barth.
 Os diretores destacaram que a proposta de levar o Festuris a Porto Alegre teve início com o Ritter Hotel, passou pela Rede Intercity e, nos últimos cinco anos, foi realizado no Hotel Embaixador. “Esta festa tem uma trajetória de parcerias, amigos e, por isso, sempre foi um sucesso. Hoje, aqui estamos sendo recepcionados pela Rede Laghetto, em um novo momento para o Festuris”, disse Marcus.
 Zorzanello lembrou que o festival chega a sua 25ª edição sempre se reinventando e a cada ano trazendo novidades e consolidando sua internacionalização. “Em 2013, sempre focados na segmentação, teremos os salões Mice Abeoc Brasil (de turismo corporativo) e de Sustentabilidade.” Ele ainda ressaltou que, na mesma intensidade que provoca os negócios, o Festuris busca levar conhecimento e formar conceitos. Neste sentido, ressaltou a realização de salas de capacitação, rodadas de negócios, congresso, seminários e workshops.
Abgail Pereira ressaltou que o festival, nestes 25 anos, mostrou o Rio Grande do Sul para o Brasil e o mundo. "Cada um de nós é responsável pelo patamar de competitividade que o Estado alcançou no turismo", finalizou.

 O FESTURIS

Em 2013, o Festival do Turismo de Gramado chega à 25ª edição e abordará com força o tema sustentabilidade, em mais uma antecipação às principais tendências do mercado mundial. Com uma feira de negócios que é frequentada por um púbico altamente qualificado e com poder de decisão, durante dois dias de intensa atividade mais de 14 mil profissionais circulam pelos 20 mil metros quadrados de feira, conferindo os mais de 2.600 expositores, que são distribuídos em cerca de 400 estandes. O Festuris 2013 se realizará de 7 a 10 de novembro, no Serra Park, em Gramado. Informações no www.festurisgramado.com.

Pesquisar