Autódromo de Deodoro à vista

Um passo significativo foi dado hoje para que o Rio de Janeiro volte a ter um autódromo, em Deodoro, em condições de receber as principais competições nacionais e internacionais do esporte à motor. Com as presenças do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, do prefeito do Rio, Eduardo Paes, do secretário da Casa Civil do Estado, Régis Fichtner, do presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo, Cleyton Pinteiro, entre outras autoridades do esporte e pilotos, foi assinada, hoje, a transferência do terreno de 2.100.000 m² onde será construído o novo autódromo da cidade, até então do Exército, para o ministério do Esporte.

Também presente ao evento, o secretário nacional de esporte de alto rendimento do ministério do Esporte, Ricardo Leyser, lembrou que o acesso ao novo circuito será facilitado porque, além do alargamento da Av. Brasil e das vias do seu entorno, próximo ao circuito haverá o Parque Radical, para as Olimpíadas de 2016.  Ainda segundo o secretário, a construção do autódromo vai permitir a restauração de uma área verde (não mata atlântica).  “Agora sim, haverá a preservação e aumento da área verde no local”.

Segundo engenheiros da Fundação Getúlio Vargas que prepararam o projeto executivo, o término da licitação da obra pelo governo estadual será em julho de 2013. Um ano depois, a pista já estará em condições de receber competições. Em janeiro de 2015, todas as instalações estarão concluídas de acordo com as exigências da Federação Internacional de Automobilismo. Além de mezaninos para escritórios das equipes dentro de cada boxe, haverá passagens subterrâneas para serviços variados, que poderão ser executados sem atrapalhar as disputas. O projeto permite eventos simultâneos como: competições automobilísticas, provas de kart e treinamentos de direção defensiva.

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, disse que a cerimônia ratificava o compromisso que a Prefeitura assumiu com a CBA “de manter o automobilismo em plena atividade no Rio de janeiro”. Para o presidente da confederação, Cleyton Pinteiro, a cidade precisava resgatar “as bonitas lembranças que sempre estiveram ligadas ao esporte à motor”.

O presidente da Federação de Automobilismo do Estado do Rio de Janeiro, Djalma Neves, lembrou da incerteza dos últimos cinco anos, sem saber se poderia manter os calendários de provas nacionais e regionais e fez projeções otimistas: “estamos com o sentimento de vislumbrar um novo automobilismo, com autódromo em condições de receber categorias internacionais e kartódromo para gerar novos pilotos”.

Final do Gaucho de Marcas, Copa Fusca e 5a Etapa do Endurance – confira os horários

Etapa decide o título do Marcas e Copa Fusca

O Autódromo Internacional de Tarumã recebe no próximo final de semana, entre 10 e 11 de novembro a 8a etapa dos Campeonatos Gaúchos de Marcas & Pilotos e da Copa Fusca e a 5a etapa do Campeonato Gaúcho de Endurance.

A etapa marca a final do Marcas e da Copa Fusca que chegam a suas decisões com os títulos abertos em suas classes. No Marcas – A, a liderança é da dupla Fernando Jr./ Luiz Clemente Moroni com 271 pontos. No segundo posto, aparece Luiz Sérgio Sena Jr. com 211 pontos, seguido de Rodrigo Miguel com 207 pontos e fechando os pilotos com chances de título Luiz Carlos Ribeiro com 204 pontos. Na classe B, a liderança é de Ricardo Boessio com 273 pontos, seguido de Fernando Trennenpohl com 247. Christian Matuzalen aparece em terceiro, com 234 pontos, seguido de Dirceu Magno com 228 e da dupla Chico Moller/ Christian Petroll com 194. Na classe N, a liderança é de Carlos Maciel com 285 pontos, seguido de Juliano Salton com 254. O terceiro posto é de Celso Schuler com 210 e Thiago Silva com 191 pontos. Esta pontuação não contempla o descarte obrigatório dos dois piores resultados de cada piloto. A etapa vale 64 pontos.

Na Copa Fusca – A, Moacir Fighera lidera com 259 pontos. A vice liderança é de Everson Melo com 237 seguido de Rogério Baretta Xavier com 224. Daniel Oliveira aparece com apenas um ponto de desvantagem em relação à Baretta e Carlos Guizzo ocupa o quinto posto com 205 pontos. Na Classe B, Tiago Takagi lidera com 270 pontos seguido de Noli Ferreira com 239. O terceiro posto é de Fabrício Fraga que possui 221 pontos.

A Endurance encaminha seu final de campeonato em etapa que também conta como etapa do Brasileiro da modalidade. Na classe I, a liderança é de Tiel de Andrade (MCR Tubarão) com 460 pontos. Na classe II a dupla Darci Marini/ Felipe Bertuol (MRX Opel) lidera com 210 pontos. A classe III tem a liderança da dupla Eduardo Espírito Santo/ Hardy Kohl (MCR VW) com 330 pontos. A classe IV tem  o trio Fernando Poeta/ Alexandre Silveira/ Giovani Bianchessi (Ferrari F 430) na liderança com 440 pontos. E finalmente, na classe V, Gustavo Dal Bosco (VW Gol) lidera com 350 pontos.

Toda a festa acontece entre sábado e domingo no autódromo de Tarumã em Viamão. Abaixo, os horários das provas do final de semana:

Programação - Sábado - 10/11/2012

Treinos Livres somente pilotos escritos

 

 

09:00hs às 10:00hs

Marcas & Pilotos / Fusca

10:10hs às 11:10hs

Endurance

11:15hs às 12:15hs

Marcas & Pilotos / Fusca

13:00hs às 14:00hs

Endurance

14:05hs às 15:05hs

Marcas & Pilotos / Fusca

15:10hs às 16:10hs

Endurance

16:15hs às 17:15hs

Marcas & Pilotos

VISTORIA E ABASTECIMENTO

16:15hs às 17:00hs

Fusca

Briefing

15:10hs

Fusca

16:30hs

Endurance

TREINOS CLASSIFICATÓRIOS

17:10hs às 17:30hs

Fusca

17:40hs às 18:00hs

Endurance Grupo 1

18:10hs às 18:30hs

Endurance Grupo 2

Programação - Domingo - 11/11/2012

Vistoria e Abastecimento

07:30hs às 08:15hs

Marcas e Pilotos B e N

08:15hs às 09:00hs

Marcas e Pilotos A

13:00hs às 13:30hs

Fusca

Treino Classificatório

08:30hs

Marcas e Pilotos Categorias B e N (15min)

08:50hs

Marcas e Pilotos Categoria "A" (15min)

09:10hs

Top 10  (10min)

Briefing

10:00hs

Marcas e Pilotos

ENDURANCE 3 HORAS

09:45hs

Abertura de Box

09:55hs

Fechamento de Box

10:00hs

Largada

1ª Bateria - Marcas e Pilotos - 30 minutos ou 17 voltas

13:15hs

Abertura de Box

13:25hs

Fechamento de Box

13:30hs

Largada

1ª Bateria - Fuscas 25 min

14:15hs

Abertura de Box

14:25hs

Fechamento de Box

14:30hs

Largada

2ª Bateria - Marcas e Pilotos - 30 minutos ou 17 voltas

15:15hs

Abertura de Box

15:25hs

Fechamento de Box

15:30hs

Largada

2ª Bateria - Fuscas - 25 min

16:10hs

Abertura de Box

16:15hs

Fechamento de Box

16:20hs

Largada

 

O Tetra É Tri! Com Virose e Tudo, Cacá Conquista Título de 2012 da Copa Fiat

Piloto da Equipe Itaú chega em segundo na primeira bateria e garante campeonato matematicamente; Popó é quinto no Velopark

Foi diante de dificuldades "como nunca havia sentido em toda minha carreira" que Cacá Bueno garantiu o tricampeonato da Copa Fiat na manhã desse domingo (4/11) no Velopark, em Nova Santa Rita (RS), ao terminar em segundo colocado na primeira bateria da sexta e última rodada dupla da temporada 2012. Seu irmão e companheiro de Equipe Itaú, Popó Bueno, foi quinto na prova vencida por Thiago Camilo. O único rival na disputa pelo campeonato, André Bragantini, terminou em oitavo e não tem mais condições de alcançar Cacá na tabela de pontuação.

 

Cacá batalha contra uma forte virose há quatro dias, tendo se alimentado de forma intravenosa ontem no autódromo gaúcho. Hoje, foi do pódio direto para o ambulatório, mas antes fez algo inédito em seus oito títulos anteriores no automobilismo nacional: dedicou o campeonato à esposa. 

 

"Nunca havia dedicado um título à ninguém antes, mas nesse final se semana só estou aqui graças ao apoio da Talita, que mesmo grávida está há quatro dias sem dormir, junto comigo, cuidando de mim como se eu fosse uma criança", agradeceu o tetracampeão da Stock Car, que largou em segundo e manteve a colocação ao longo das 24 voltas no Velopark. 

 

"Em 25 anos de automobilismo desde o kart nunca faltei a uma corrida. Já corri de tornozelo quebrado, osso da face quebrado, e nunca pensei em não correr. Hoje, sinceramente, pensei em não correr. Achei que não ia dar. A cada volta eu me concentrava em não passar mal dentro do carro e falava para mim mesmo: só mais uma, só mais uma..."

 

Cacá tornou-se também o primeiro tricampeão em anos seguidos no automobilismo nacional desde o tri de Chico Serra na Stock Car em 99/00/01. O carioca segue na briga por mais dois canecos esse ano: o penta na Stock, onde lidera a duas etapas do fim, e o título inédito do Brasileiro de Gran Turismo, no qual é vice-líder.

 

Clemente Faria completou o pódio, à frente de Cesinha Bonilha e de Popó, que parabenizou a conquista do irmão. "Tive um carro competitivo e andamos no ritmo dos ponteiros, faltou apenas uma posição de largada um pouco melhor para um resultado ainda melhor ter vindo, mas o mais importante foi o título conquistado pelo Cacá e pela equipe hoje", disse. 

 

A segunda bateria da Copa Fiat tem largada prevista para as 13h25, com transmissão do canal SporTV2. 

 

 

OS NOVE TÍTULOS DE CACÁ BUENO:

 

Tetracampeão da Stock Car: 2006/2007/2009/2011

Tricampeão da Copa Fiat: 2010/2011/2012

Campeão Sul-Americano de Superturismo: 1999

Campeão da Stock Car Light: 1997

 

 

COPA FIAT - 1a BATERIA - VELOPARK:

 

1) Thiago Camilo, 24 voltas

2) CACÁ BUENO, +4.032

3) Clemente Faria, +4.441

4) Cesinha Bonilha, +6.363

5) POPÓ BUENO, +6.714

6) Christian Fittipaldi, +16.295

 

 

COPA FIAT - CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO APÓS 11 DE 12 CORRIDAS:

 

1) CACÁ BUENO, 142

2) André Bragantini, 124

3) Christian Fittipaldi, 80

4) Giuliano Losacco, 68

5) Cesinha Bonilha, 53

6) POPÓ BUENO, 48

Ricardo Zonta leva Toyota à vitória na Copa Petrobras de Marcas


O final de semana foi excelente para Ricardo Maurício (Honda), que contou com problemas dos adversários e retomou a liderança entre os pilotos. Entre as marcas, a Toyota continua na frente.
Viamão (RS) - Ricardo Zonta conquistou sua segunda vitória na temporada da Copa Petrobras de Marcas. Na tarde deste domingo, no Autódromo de Tarumã, o ex-piloto de Fórmula 1 levou seu Toyota Corolla XRS ao primeiro lugar do pódio da segunda prova da antepenúltima rodada dupla do ano. Em segundo ficou Felipe Maluhy, seguido por Diego Nunes, o terceiro. Na abertura, também neste domingo, a vitória ficou com o estreante Felipe Gama, seguido por outros dois Honda Civic, o de Ricardo Maurício, que ficou em segundo, e o da dupla Juliano Moro/André Bragantini.
 
Com o resultado do final de semana, Ricardo Maurício recuperou a liderança da Copa Petrobras de pilotos. Ele chegou a 166 pontos contra 147 de Denis Navarro e 130 do novo terceiro colocado Diego Nunes. Entre as montadoras a Toyota tem 402 pontos, a Honda 344, Mitsubishi 253, Chevrolet 196 e Ford 178.
 
``Mudei totalmente o acerto do meu carro da primeira corrida para a segunda e deu certo. Foi bom vencer e agora vamos ver como todos nos sairemos em Londrina andando com carros de tração dianteira``, disse o experiente Zonta, numa referência à penúltima rodada dupla da temporada, dia 11 de novembro na cidade do Norte paranaense.
 
Resultado da segunda prova da rodada dupla em Tarumã
 1) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), 32min20s650
 2) Felipe Maluhy (Mitsubishi Lancer GT), 32min24s048
 3) Diego Nunes (Toyota Corolla XRS), 32min24s765
 4) Fábio Fogaça (Mitsubishi Lancer GT), 32min37s784
 5) Ricardo Maurício (Honda Civic), 32min37s997
 6) Felipe Gama (Honda Civic), 32min39s295
 7) Fábio Carbone (Mitsubishi Lancer GT), 32min42s386
 8) Vitor Meira (Ford Focus), 32min47s844
 9) Denis Navarro (Toyota Corolla XRS), 32min48s835
 10) Vicente Orige (Chevrolet Cruze), 32min56s903
 11) Galid Osman/Felipe Lapenna (Chevrolet Cruze), 33min06s014
 12) Wilson Pinheiro (Ford Focus), 33min06s569
 13) Claudio Capparelli (Chevrolet Cruze), 33min09s881
 14) Leandro Romera/Fernando Fortes (Chevrolet Cruze), a 1 volta
 15) Moro/Bragantini (Honda Civic), a 2 voltas
 16) Marcelo Lins (Ford Focus), a 3 voltas
 17) Gustavo Martins/Vilson Jr., a 12 voltas
 18) Carlos Padovan (Mitsubishi Lancer GT), a 19 voltas
 19) Serafin Jr. (Ford Focus), a 21 voltas
 20) Thiago Marques (Toyota Corolla XRS), excluído
 
As próximas etapas da Copa Petrobras de Marcas serão no dia 11 de novembro em Londrina e no dia 2 de dezembro em Curitiba, ambas cidades paranaenses.
 
A Copa Petrobras de Marcas é uma realização da Vicar Promoções Desportivas, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). A Petrobras assina a competição, que tem patrocínio de Pirelli e apoio de Ecopads, Fremax, Lubrax, Motec e Transzero.
 
Mais informações no site www.brasileirodemarcas.com.br
 
Departamento de Comunicação da Vicar
 

Superstars Series: Com grande prova, Christian Fittipaldi garante o 5º lugar na corrida 2 em Pergusa


O piloto brasileiro fez uma corrida de recuperação, avançou 11 posições e comemorou o resultado no retorno ao circuito italiano após 21 anos

O paulista Christian Fittipaldi comemorou o seu retorno ao circuito de Enna-Pergusa (Ita), onde não corria desde 1991, com a conquista do quinto lugar na segunda corrida da Superstars Series, neste domingo (28). Mesmo depois de ter enfrentado problemas na primeira prova do dia, quando não completou a disputa, o brasileiro foi muito bem na segunda bateria, concluindo as 13 voltas em 28min08s830, a 35s806 do vencedor, o colombiano Rafaelle Giammaria, que faturou as duas provas do fim de semana. O sueco Johan Kristoffersson consagrou-se campeão da categoria. As disputas foram válidas pela última etapa da temporada.

Fittipaldi avaliou de forma positiva sua evolução na segunda corrida deste domingo. No sábado (27), durante o classificatório e na primeira prova do dia, Christian enfrentou problemas com seu Maserati Quattroporte, que perdia muito de reta. O piloto abandonou a primeira corrida, após uma batida e, por isso, largou em 16º na prova seguinte. O brasileiro, que defendeu as cores da Swiss Team, fez uma corrida de recuperação, viu alguns concorrentes ficarem pelo caminho, para cruzar em quinto.

"A segunda corrida foi um milagre. Eu realmente não esperava um resultado tão bom. Foi muito acima do que o carro poderia fazer nesta pista", destacou o brasileiro, que correu como convidado pela segunda vez este ano na Superstars Series.
 
"Na primeira corrida, larguei bem e já pulei para sétimo logo no começo. Mas lá pela quinta ou sexta volta cometi um erro, rodei e acabei batendo", explicou sobre o abandono na corrida 1.
 
O piloto também fez uma boa largada na corrida 2. "De novo larguei bem, ganhei duas posições, depois houve alguns acidentes, fiz mais algumas ultrapassagens e cheguei em quinto. Sem dúvida, depois de largar em penúltimo e, com todos os problemas de performance do nosso carro na reta, foi muito bom", finalizou.
 
Pela Copa Fiat, Fittipaldi, que figura em terceiro lugar com 76 pontos, disputará a última rodada da competição no próximo fim de semana, dias 3 e 4 de novembro, no Velopark (RS).
 
Resultados das provas em Pergusa
 
1ª corrida (10 primeiros):
 1) GIAMMARIA Raffaele (COL) Mercedes AMG C63, 14 voltas em 27min38s005
2) SINI Francesco (ITA) Chevrolet Lumina, a 5s988
3) LIUZZI Vitantonio (ITA) Mercedes AMG C63, a 46s581
4) BACCI Andrea (ITA) Mercedes AMG C63, a 48s814
 5) KRISTOFFERSSON Johan (SWE) AUDI RS5 ROY, a 1min18s093
6) MORBIDELLI Gianni (ITA) AUDI RS5, 1min18s762
 7) FERRARA Luigi (ITA) Mercedes AMG C63, a 1min19s442
 8) CESARI Mauro (ITA) Maserati Quattroporte, a 1min24s827
 9) SCHOFFLER Thomas (GER) AUDI RS5 ROY, a 1min28s840
 10) CALDAROLA Nico (ITA) Mercedes AMG C63, a 2 voltas

Não completaram
 BIAGI Thomas (ITA)
FITTIPALDI Christian (BRA)
MUCCIO Ezio (ITA)
LARINI Andrea (ITA)
IACONE Simone (ITA)
 
2ª corrida (10 primeiros):
1)GIAMMARIA Raffaele (COL) Mercedes AMG C63, 13 voltas em 27min33s024
2) FERRARA Luigi (ITA) Mercedes AMG C63, a 11s213
 3) IACONE Simone (ITA) Chevrolet Lumina, a 12s079
 4) BIAGI Thomas (ITA) a 14s430
 5) FITTIPALDI Christian (BRA) Maserati Quattroporte, a 35.806
 6) MUGELLI Max (ITA) BMW M3 E92, a 37s970
 7) CESARI Mauro (ITA) Maserati Quattroporte, a 38s312
 8) MUCCIO Ezio (ITA) Jaguar XF/R5.0 S/C 12, a uma volta
 9) LIUZZI Vitantonio (ITA) Mercedes AMG C63 10, a três 3 voltas
 10) LARINI Andrea (ITA) Mercedes AMG C63 9, a 4 voltas
 
Acompanhe o piloto Christian Fittipaldi pelo twitter: @fittitweet
 
Foto: Dario Lucchese
 

Carros dos sonhos retornam ao Brasil após passagem por Buenos Aires, na Argentina


Campo Grande receberá próxima etapa do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo em Novembro

As máquinas dos sonhos que formam o Campeonato Brasileiro de Gran Turismo e suas categorias GT3, GT Premium e GT4, já estão de volta ao Brasil após passagem por Buenos Aires, na Argentina, onde no dia 14 de outubro fizeram uma demonstração para o público local no Autódromo Juan Y Oscar Galvéz. O evento, com o objetivo de apresentar os carros mais desejados e velozes do Brasil, foi o pontapé inicial no trabalho que a SRO Latin America vem executando para, no segundo semestre de 2013, pela primeira vez em sua breve história, o Campeonato Brasileiro de Gran Turismo possa estrear, em um fim de semana completo de corrida, em solo internacional.
 
Diretora executiva da SRO Latin America, Dalila Vendrame fala sobre o restante da temporada do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo que se aproxima. "Após este evento que realizamos na Argentina os carros dos sonhos estão de volta ao Brasil, chegaram ao Autódromo Velopark neste sábado (28) e agora serão entregues as equipes para que se preparem para a prova de Campo Grande onde faremos nossa sexta etapa do ano", afirma Dalila.
 
"Em dezembro ainda iremos para Cascavel, no Paraná, nos dois primeiros dias do mês e Interlagos, em São Paulo, entre 14 e 16, para encerrar a temporada 2012 do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo com sucesso. Além disso, já estamos trabalhando em grandes novidades para 2013", encerra Dalila Vendrame, reforçando o compromisso com o campeonato e sua realização neste e nos próximos anos.
 
De volta ao Brasil, agora os carros dos sonhos se preparam para a sexta de oito etapas nesta temporada, que será realizada no Autódromo Internacional de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, nos dias 16, 17 e 18 de novembro, onde será possível acompanhar de perto máquinas de marcas como Ferrari, Lamborghini, Mercedes-Benz, BMW, Lotus, Maserati, além dos carros do Mercedes-Benz Grand Challenge e das motos de 1.000CC do Elf SuperBike.

Felipe Guimarães ganha mais uma na Fórmula 3


Piloto domina a antepenúltima rodada da temporada da mais importante categoria do automobilismo continental. Próximas corridas serão em Londrina, em novembro, e em Curitiba, em dezembro.

O experiente Felipe Guimarães, piloto com passagens por outras categorias internacionais, venceu pela segunda vez consecutiva na Fórmula 3 Sul-americana. Na manhã deste domingo, no Autódromo de Tarumã, no Rio Grande do Sul, Felipe não teve dificuldades para superar os adversários e completar as 33 voltas na frente com o tempo de 31min54s582, média de 188,57 km/h.
 
A próxima rodada dupla da Fórmula 3 Sul-americana será realizada dia 18 de novembro no Autódromo de Londrina, no Paraná, e o encerramento da temporada no dia 2 de dezembro em Curitiba. Todos os eventos serão junto com a Copa Petrobras de Marcas.
 
Resultado da corrida deste sábado
 1 ) Felipe Guimarães, 31min54s582, média de 188,57 km/h
 2) Rodrigo Gonzalez, 32min24s797
 3) Leonardo de Souza, 32min34s601
 4) Matheus Stumpf, 32min43s362
 5) Raphael Raucci, 32min46s279
 6) Higor Hoffmann, a 1 volta
 7) Lucas De La Vega, a 1 volta
 8) Fernando Stédile, a 28 voltas
 9) Luis Carlos Abbade, a 30 voltas
 10) Ramon Matias, a 32 voltas
 
A Copa Petrobras de Marcas é uma realização da Vicar Promoções Desportivas, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). A Petrobras assina a competição, que tem patrocínio de Pirelli e apoio de Ecopads, Fremax, Lubrax, Motec e Transzero.

Pesquisar