André Bragantini vence a primeira na Copa Petrobras de Marcas

Segunda corrida da sétima rodada dupla da temporada acontece neste domingo, a partir das 13h20. Honda leva dois ao pódio e se aproxima da Toyota na briga das marcas. Mitsubishi, Chevrolet e Ford correm atrás da ponta.

A ligação de André Bragantini com o número 13 se confirmou na manhã deste domingo no Autódromo de Londrina. Um dos poucos pilotos a gostar do 13, considerado azarado pelos supersticiosos, André, que largou na pole, venceu de ponta a ponta justamente a 13ª prova da temporada da Copa Petrobras de Marcas. Nesta etapa o piloto do Honda Civic 6 está sem o parceiro Juliano Moro e fez as duas corridas da sétima rodada dupla da categoria, que terá o encerramento no dia 2 de dezembro em Curitiba. Esta foi a terceira vitória de Bragantini em 2012. A segunda posição ficou com Thiago Marques (Toyota Corolla XRS), seguido pelo líder do campeonato Ricardo Maurício (Honda Civic) e por Denis Navarro (Toyota Corolla XRS), o vice-líder.

 

A partir das 13h20 acontece a segunda corrida da rodada, que define os pilotos que se mantêm na briga pelo título da Copa Petrobras de Marcas. A pontuação da etapa de Curitiba será dobrada para todos os pilotos, que descartam os dois piores resultados do ano.

 

Resultado da 13ª corrida da temporada da Copa Petrobras de Marcas

1) André Bragantini (Honda Civic), 31min20s306, média de 134,53 km/h

2) Thiago Marques (Toyota Corolla XRS), a 0s480

3) Ricardo Maurício (Honda Civic), a 2s020

4) Denis Navarro (Toyota Corolla), a 2s452

5) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), a 2s943

6) Diego Nunes (Toyota Corolla XRS), a 3s168

7) Vitor Meira (Ford Focus), a 8s030

8) Felipe Gama (Honda Civic), a 9s099

9) Fábio Fogaça (Mitsubishi Lancer GT), a 12s038 

10) Felipe Maluhy (Mitsubishi Lancer GT), a 27s781

11) Carlos Padovan (Mitsubishi Lancer GT), a 1min01s759

12) Pedro Nunes (Honda Civic), a 1min07s907

13) Claudio Capparelli (Chevrolet Cruze), a 1min19s422

14) Fábio Carbone (Mitsubishi Lancer GT), a 1 volta

15) Romera/Fortes (Chevrolet Cruze), a 1 volta

16) Marcelo Lins (Ford Focus), a 2 voltas

17) Galid/Lapenna (Chevrolet Cruze), a 8 voltas 

18) Serafin Jr. (Ford Focus), a 15 voltas

19) Vicente Orige (Chevrolet Cruze), a 18 voltas

20) Wilson Pinheiro (Ford Focus), a 22 voltas 

 

Felipe Guimarães volta a vencer na Fórmula 3

Segunda colocação na corrida disputada neste domingo em Londrina ficou com Higor Hoffmann, líder da F 3 Light. Resultado deixa Guimarães em quinto lugar, a 40 pontos do líder Fernando Resende.

Desta vez o carro de Felipe Guimarães não quebrou como no sábado, ele confirmou favoritismo e venceu a segunda corrida da quinta rodada dupla da Fórmula 3 Sul-americana disputada na manhã deste domingo no Autódromo de Londrina. Esta foi sua quarta participação e a terceira vitória, já que havia terminado em primeiro na estreia nas duas provas em Tarumã. O segundo lugar ficou com Higor Hoffmann, seguido por Rodrigo Gonzalez.

 

A liderança geral da Fórmula 3 Sul-americana continua nas mãos de Fernando Resende, seguido por André Pedralli e Rodrigo Gonzalez. Na Fórmula 3 Sul-americana Light a primeira colocação é de Higor Hoffmann, com Raphael Raucci em segundo e Lucas De La Vega em terceiro.

 

A próxima etapa da principal categoria do automobilismo continental está marcada para o dia 2 de dezembro em Curitiba, no encerramento da temporada da Fórmula 3 e da Copa Petrobras de Marcas.

 

Resultado da corrida deste domingo

1)Felipe Guimarães (Hi Tech Racing), 28 voltas em 31min11s424, média de 167,23 km/h

2)Higor Hoffmann (Cesário Fórmula Light), a 48s637

3)Rodrigo Gonzalez (Cesário Fórmula), a 1min05s660

4)Raphael Raucci (RR Racing Team Light), a 1min06s027

5)André Pedralli (Bassan Motorsport), a 1 volta

6)Eduardo Banzoli (Capital Motorsports Light), a 1 volta

7)Fernando Resende (Cesário Fórmula), a 4 voltas

8)Leonardo de Souza (Kemba Racing), a 8 voltas

9)Felipe Lapenna, a 27 voltas

 

Os cinco primeiros na classificação da Fórmula 3 Sul-americana

1)Fernando Resende, 100

2)André Pedralli, 75

3)Rodrigo Gonzalez e Leonardo de Souza, 72

4)Felipe Guimarães, 60

5)Christian Castro, 37

 

Os cinco primeiros da Fórmula 3 Sul-americana Light

1)Higor Hoffmann, 142

2)Raphael Raucci, 133

3)Lucas De La Vega, 91

4)Eduardo Banzoli, 30

5)Luiz Miranda e Pedro Castro, 27

Fábio Fogaça leva Mitsubishi à vitória na Copa Petrobras

Jovem piloto ganha pela primeira vez na categoria. Briga pela liderança ficou mais acirrada ainda, pois Ricardo Maurício abandonou a segunda corrida deste domingo, enquanto os que vinham atrás pontuaram. Decisão fica para dia 2 de dezembro em Curitiba.

Foi um dia de feitos inéditos para o piloto Fábio Fogaça. Na primeira vez que andou nos 3.055 metros do Autódromo de Londrina, o filho do ex-piloto Djalma Fogaça ganhou sua primeira corrida na Copa Petrobras de Marcas e ainda levou o Mitsubishi Lancer GT a uma inédita vitória em 2012. Esse grande número de fatos novos foi conquistado na segunda prova - a primeira teve André Bragantini como ganhador -, disputada na tarde deste domingo no encerramento da sétima rodada dupla da categoria. 

 

Na briga pelo título, com o abandono do líder Ricardo Maurício e os pontos conquistados pelos que vinham atrás, a decisão ficou mesmo para Curitiba. Para esquentar mais ainda a disputa, o fechamento da temporada terá pontos em dobro. Assim, estarão em jogo 100 pontos nas duas corridas na capital paranaense.

 

``Sem dúvida que a primeira vez a gente nunca esquece, ainda mais com tantos motivos como esses. Sei que fiz uma boa corrida e guiei tudo o que podia o tempo todo, pois atrás de mim estava um piloto experiente como o Diego Nunes e que disputou a posição de maneira limpa, o que é importante``, disse Fábio, que no final da corrida recebeu um abraço do emocionado pai, Djalma, conhecido como Caipira Voador e com passagens por grandes categorias nacionais.

 

Os pontos dobrados em Curitiba e devido ao abandono de Ricardo Maurício (Honda Civic) levaram Diego Nunes, o segundo colocado na 14ª corrida da temporada da Copa Petrobras de Marcas, a não forçar mais sobre Fábio Fogaça.

 

``Deixei para arriscar tudo em Curitiba, principalmente depois que vi que o Ricardinho tinha abandonado a prova. A decisão será lá!``, disse o piloto do Toyota Corolla XRS.

 

Fábio Fogaça largou na pole quando não esperava mais. O resultado final da primeira bateria tem a inversão de posição dos oito primeiros e ele tinha terminado em nono lugar. No entanto, Felipe Gama (Honda Civic), que era o oitavo, foi punido com 20 segundos no tempo final devido à atitude antidesportiva, caiu para o décimo lugar e perdeu a oportunidade de largar na pole position, que ficou com Fogaça. 

 

Com os resultados desta sétima rodada dupla e a pontuação dobrada nas duas corridas finais, o campeonato está totalmente aberto, com 12 pilotos com condições matemáticas de chegar ao título de 2012. Até mesmo Serafin Jr. e Vitor Meira, que estão empatados em 12º na classificação geral, mantêm chances. Todos os que continuam na briga já fizeram os dois descartes obrigatórios e têm a pontuação real. 

 

Os doze primeiros no campeonato de pilotos

1) Ricardo Maurício (Honda Civic), 182

2) Denis Navarro (Toyota Corolla XRS), 173

3) Diego Nunes (Toyota Corolla XRS), 160

4) Thiago Marques (Toyota Corolla XRS), 145

5) André Bragantini (Honda Civic), 141

6) Felipe Maluhy (Mitsubishi Lancer GT), 134

7) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), 123

8) Juliano Moro (Honda Civic), 116

9) Fábio Fogaça (Mitsubishi Lancer GT), 104

10) Thiago Camilo (Chevrolet Cruze), 101

11) Vitor Meira (Ford Focus) e Serafin Jr. (Ford Focus), 88

 

Entre as marcas, a Toyota assumiu a ponta com 472 pontos seguida pela Honda (410), pela Mitsubishi (299), pela Chevrolet (217) e pela Ford, com 204.

 

Resultado da 14ª corrida da temporada da Copa Petrobras de Marcas

1) Fábio Fogaça (Mitsubishi Lancer GT), 32min37s941, média de 129,19 km/h

2) Diego Nunes (Toyota Corolla XRS), a 0s342

3) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), a 0s723

4) Thiago Marques (Toyota Corolla XRS), a 2s912

5) Denis Navarro (Toyota Corolla), a 7s261

6) Vitor Meira (Ford Focus), a 8s328

7) Vicente Orige (Chevrolet Cruze), a 8s689

8) Claudio Capparelli (Chevrolet Cruze), a 21s066

9) Serafin Jr. (Ford Focus), a 33s870

10) Carlos Padovan (Mitsubishi Lancer GT), a 37s578

11) Felipe Maluhy (Mitsubishi Lancer GT), a 1min15s544

12) Marcelo Lins (Ford Focus), a 1min21s118

13) Wilson Pinheiro (Ford Focus), a 1 volta

14) Ricardo Maurício (Honda Civic), a 9 voltas

15) Fábio Carbone (Mitsubishi Lancer GT), a 9 voltas

16) Felipe Gama (Honda Civic), a 10 voltas

17) Romera/Fortes (Chevrolet Cruze), a 16 voltas

18) André Bragantini (Honda Civic), a 20 voltas

19) Galid/Lapenna (Chevrolet Cruze), a 23 voltas 

20) Pedro Nunes (Honda Civic), desclassificado por atitude antidesportiva.

Allam Khodair e Marcelo Hahn vencem em Campo Grande na base da superação


Raijan Mascarello e Felipe Tozzo vencem na GT Premium
Na base da superação a dupla Allam Khodair e Marcelo Hahn conquistou a vitória na corrida deste sábado do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo. Após uma escapada durante o segundo classificatório, poucas horas antes da corrida, gerando, como resultado, uma Lamborghini LP600+ avariada e uma incômoda dor nas costas de Hahn, os pilotos superaram ainda o forte calor para conquistar a terceira vitória na temporada. Na segunda posição ficaram Cláudio Ricci e Rafael Derani, de Ferrari 458 Itália, com Sérgio Jimenez e Paulo Bonifácio, de Mercedes-Benz SLS AMG, fechando o grupo dos três melhores. Neste domingo (18), às 13h30, horário local, com transmissão da RedeTV e do SporTV acontece a prova de encerramento da etapa.
 
Após o susto e a vitória, Marcelo Hahn explicou o que houve no treino pela manhã. "Eu tinha visto na telemetria que o Allam fazia a Curva 1 de uma forma diferente do que eu, assim tentei fazer igual, acabei pegando sujeira e fui direto na proteção da pista a mais de 100km/h. Foi um susto grande, senti uma dor forte na coluna, mas a equipe médica me atendeu bem e estou ótimo", diz Marcelo.
 
Largando na frente, Khodair falou sobre a dificuldade da prova. "Realmente esta vitória temos que dedicar à equipe por todo o trabalho que fizeram. O começo foi bom, abri uma vantagem para o Ricci, mas peguei sujeira. Fui ultrapassado pelo Cláudio, depois estávamos em um ritmo parecido, nós fizemos um bom pit-stop e voltamos bem na frente. Foi uma prova difícil, preocupante por causa do calor e da sujeira, mas foi uma primeira corrida perfeita", destaca.
 
Agora falando da corrida, Marcelo destaca a dificuldade da corrida. "Me mantive concentrado para não errar, busquei negociar bem as ultrapassagens e consegui me livrar da perseguição do Rafael e do Boni. Não fiquei preso no trânsito e amanhã, largando em último, espero que tenhamos um pouco de sorte para conseguir um bom resultado", encerra. Superando uma febre, Cláudio Ricci também destaca a dificuldade da prova.
 
"Treinamos aqui semana passada e sabíamos que seria difícil. Tentei fazer uma boa parte de corrida para dar o carro em boas condições ao Rafa, mas tivemos um problema na troca de pneus e pilotos que nos prejudicou. Temos que pensar na corrida de amanhã agora e buscar uma nova vitória na categoria", fala Ricci. Dupla de Cláudio, Rafael Derani tentou levar a Ferrari 458 Itália da melhor maneira possível até o final.
 
"O carro estava muito bom durante a corrida, achei que no fim estaríamos até com mais dificuldade, mas o acerto estava certinho e fomos bem. Pena perder o tempo nos boxes, mas vim recuperando o que pude e ainda tive uma briga legal com o Boni que vinha em um ritmo muito bom, mas quando o passei vim descontando do Marcelo, mas não dava mais. A posição foi ótima para nós pensando no campeonato e isso foi mais importante", completa.
 
Terceiro colocado, Sérgio Jimenez, de Mercedes-Benz SLS AMG, lamentou o início complicado em Campo Grande. "A prova não foi boa pra mim porque o desempenho do carro estava bem ruim, mas ele veio melhorando com o passar das voltas e o Boni conseguiu levar bem o carro até o final. Poderíamos ter brigado pela vitória, mas tivemos um problema e foi bom. Estamos contentes com o resultado, acima de tudo", diz.
 
Concordando com o parceiro, Paulo Bonifácio falou ainda sobre a evolução do desempenho da Mercedes. "Realmente é isso que o Sérgio falou, depois que eu assumi a pilotagem a SLS estava muito boa, mas no final ainda sofri com superaquecimento e assim perdemos potência e a segunda posição. Foi uma pena, mas acabamos até tendo sorte de chegar na terceira posição devido ao problema que superamos", completa Boni. Os carros dos sonhos retornam neste domingo, às 13h30 com transmissão ao vivo da RedeTV, SporTV e o site PortalGT.com.br
 
Raijan Mascarello e Felipe Tozzo vencem na GT Premium
 
Comemorando o resultado, Felipe falou sobre a vitória. "Nosso carro estava bom, na largada conseguimos nos manter limpos sem acidentes e como estávamos rápidos conseguimos ir à frente e conquistamos a vitória. Amanhã, em condições normais, temos grandes chances de conquistar mais um resultado positivo como este", fala Tozzo. Dupla de Felipe na Ferrari F430, Raijan Mascarello destacou o calor em Campo Grande.
 
"Foi difícil pela temperatura elevada, mas como moro no Mato Grosso já estou acostumado. Recebi o carro do Felipe e apenas levei até o final. Fico feliz com a vitória e espero que neste domingo a gente possa conquistar mais uma", encerra Mascarello.
 
1ª Corrida - Gran Turismo
 
1º) 16 - M.Hahn/A.Khodair (LA, SP/SP), 32 voltas em 50:22.240 (média de 133,56 km/h)
 2º) 3 - R.Derani/C.Ricci (FE , SP/RS), a 8.724
 3º) 22 - P.Bonifacio/S.Jimenez (MB , SP/SP), a 11.890
 4º) 20 - F.Ebrahim/W.Ebrahim (AU , PR/PR), a 20.079
 5º) 1 - V.Brito/Constatino Jr (BM , PA/SP), a 26.479
 6º) 0 - C.Bueno/C.Dahruj (BM , SP/SP), a 31.770
 7º) 30 - C.Faria/D.Rosa (MB , SP/RS), a 1 volta
 8º) 61 - F.Croce/D.Croce (CO , SP/SP), a 1 volta
 9º) 15 - F.Tozzo/R.Mascarello (FE , SC/MT), a 1 volta
 10º) 105 - V.Faria/R.Guerra (MB , SP/SP), a 1 volta
 11º) 46 - C.Kray/A.Toso (LA , RS/RS), a 2 voltas
 
Melhor Volta: M.Hahn/A.Khodair, 1:25.138 (148,16 km/h)

Classificação do Campeonato - GT3
 1 - Duda Rosa/Cleber Faria - Mercedes-Benz SLS AMG; 143 pontos;
 2 - Cacá Bueno/Cláudio Dahruj - BMW Z4 GT3 - 135;
 3 - Allam Khodair/Marcelo Hahn - Lamborghini LP600+ - 129;
 4 - Renan Guerra/Vanuê Faria - Mercedes-Benz SLS AMG - 119;
 5 - Sérgio Jimenez/Paulo Bonifácio - Mercedes SLS AMG - 110;
 6 - Wagner Ebrahim/Fábio Ebrahim - Audi R8 LMS - 107;
 7 - Cláudio Ricci/Rafael Derani - Ferrari 458 - 106;
 8 - Valdeno Brito/Constantino Júnior - BMW Z4 GT3 - 94;
 9 - Felipe Tozzo/Raijan Mascarelo - Ferrari F430 - 62;
 10 - Andersom Toso/Carlos Kray - Lamborghini LP520 - 59;
 11 - Ronaldo Kastropil - Lamborghini LP600; 47;
 12 - Cristiano Almeida/Pierre Ventura - Lamborghini LP520 - 43;
 13 - Fernando Poeta - Lamborghini LP560 - 37;
 14 - Roger Sandoval - Lamborghini LP560 - 35;
 15 - Henrique Assunção - Lamborghini LP 600+; 33;
 16 - Guilherme Figueiroa/Júlio Campos - Lamborghini LP600 - 28;
 17 - Fernando Croce/Fernando G. Croce - Corvette Z06R - 27;
 18 - Felipe Roso/Vinícius Roso - Ferrari F430 - 21;
 19 - Ramon Matias - Dodge Viper Competition Coupé - 20;
 20 - Alexandre Buneder - Lamborghini LP560 - 17;
 21 - Bruno Garfinkel - Lamborghini LP600 - 16;
 22 - Popó Bueno/Marcelo Franco - Ford GT - 11;
 23 - Walter Derani - Ferrari F430 - 11;
 24 - Fernando Fortes - Dogde Viper Competition Coupé - 10
 25 - Renato Cattalini - Dodge Viper Competition Coupé - 9;
 26 - Lorenzo Varassin - Dodge Viper Competition Coupé - 8;
 
Classificação do Campeonato - GT Premium
 1 - Andersom Toso/Carlos Kray - Lamborghini LP520 - 174 pontos
 2 - Felipe Tozzo/Raijan Mascarello - Ferrari F430 - 173
 3 - Cristiano Almeida/Pierre Ventura - Lamborghini LP520 - 139
 4 - Felipe Roso/Vinícius Roso - Ferrari F430 - 58
 5 - Ramon Matias - Dodge Viper Competition Coupé - 48
 6 - Renato Cattalini - Dodge Viper Competition Coupé - 20
 7 - Lorenzo Varassin - Dogde Viper Competition Coupé - 17
 8 - Henrique Assunção/Fernando Fortes - Dodge Viper Competition Coupé - 13
 
DOMINGO, 18 DE NOVEMBRO DE 2012
 08h30 - 08h45: Warm-up - Mercedes-Benz Grand Challenge
 09h00 - 09h15: Warm-up - Elf SuperBike
 09h30 - 10h20: Visitação aos Boxes
 11h01 - 11h31: Corrida 2 - Mercedes-Benz Grand Challenge
 12h07 - 12h37: Corrida - Elf SuperBike
 13h31 - 14h21: Corrida 2 - Campeonato Brasileiro de Gran Turismo

Gran Turismo: Dupla Léo Cordeiro e Vitor Genz fatura mais uma vitória para BMW Team Brasil na GT4


Stumpf e Gonçalves ficaram em 4º. Na GT3, Valdeno Brito e Constantino Jr. garantiram o 5º lugar, seguidos por Cacá Bueno e Claudio Dahruj. Neste domingo (18), ocorre a segunda corrida do fim de semana em Campo Grande tem largada às 13h31 (horário local). A Rede TV! e o canal SporTV transmitem

Superando o calor forte e os adversários, foi assim que a jovem dupla Leonardo Cordeiro e Vitor Genz conquistou mais uma vitória para a equipe BMW Team Brasil no Campeonato Brasileiro de Gran Turismo, categoria GT4. Esse foi o segundo topo de pódio dos parceiros que dividem a pilotagem do BMW M3 numeral #12, e a terceira conquista do paulista de São José dos Campos, Léo Cordeiro.

A bordo do BMW M3 #11, Matheus Stumpf e Patrick Gonçalves ficaram em 4º. Com o resultado, o vice-líder Cordeiro diminuiu a diferença para os líderes Alan Hellmeister e Sérgio Laganá, que agora é de 12 pontos. Amanhã (18), a segunda corrida será às 13h30 (horário local, uma hora a menos que Brasília) e terá transmissão ao vivo pela Rede TV! e SporTV!
 
Na tomada de tempos desta primeira corrida, Léo classificou em quinto (1:31.830). A dupla confiava em um bom resultado na prova, pois trabalhou focada em ter um bom ritmo na corrida e foi o que aconteceu neste sábado (17) de intenso calor no Autódromo Internacional de Campo Grande (MS). "A pista aqui é muito abrasiva, por isso, desde os treinos, focamos nosso acerto para a corrida. Nossa estratégia foi manter o ritmo e economizar os pneus e pelo visto deu certo e funcionou. Fico feliz porque diminui a diferença para os líderes", comemorou Cordeiro.

Genz também ficou feliz com o resultado. "Foi uma corrida bem difícil, a mais complicada do ano, com muita pressão, um calor que não deu trégua. Mas assim a vitória é ainda melhor. Agora o Léo se aproximou um pouco mais da liderança e esse é nosso objetivo daqui para frente", declarou o gaúcho, que cravou a pole position da categoria para a corrida deste domingo (18).
 
Apesar de terem ficado de fora do pódio, Matheus Stumpf e Patrick Gonçalves consideraram o dia positivo, pelas condições do clima, e já pensam na prova deste domingo. "Realmente muito calor, e isso foi complicado. Mas amanhã estaremos na primeira fila e isso é importante. E acredito que teremos boas chances", considerou Gonçalves, lembrando que a dupla parte da segunda colocação na prova que fecha a 6ª etapa.

GT3
 Na GT3, as duas duplas do BMW Team Brasil também pontuaram. Valdeno Brito/Constantino Jr. completaram a disputa da 11ª corrida em 5º, seguidos por Cacá Bueno/Claudio Dahruj em 6º. No pit stop, com a troca dos pilotos, os gentleman drivers não conseguiram manter o ritmo das BMWs de modelo Z4 e sofreram com o calor forte e com o traçado abrasivo que exigiu muito dos competidores. A vitória ficou com a dupla Marcelo Hahn e Alam Khodair da Lamborghini LP 600.

"Hoje não foi como queríamos. Tínhamos um bom ritmo e chances de pensar em conquistar um terceiro lugar. O Dahruj teve dificuldades com o traçado, que é bem exigente e o calor aqui também judiou. Mas pontuamos e conseguimos diminuir um pouco a distância para os líderes", avaliou o carioca Cacá Bueno, que agora totaliza 135 pontos, já contabilizando os descartes obrigatórios, e segue na vice-liderança. Para a corrida deste domingo, Dahruj classificou o carro #0 na sétima posição.

"Além do calor, nosso carro também estava com o freio um pouco baixo. O Constantino tentou, mas não conseguiu manter o ritmo. Vamos pensar na prova de amanhã", finalizou Valdeno Brito. Na 12ª corrida, Constantino Jr. vai largar na terceira fila, em sexto.
 
Resultado 1ª Corrida em Campo Grande:
 GT4
 1º) Leonardo Cordeiro/Vitor Genz, BMW M3
 2º Valter Pinheiro/Léo Burti, Lotus Evora
 3º Eduardo Oliveira/William Freire, Ferrari F430 Challenge
 4º Matheus Stumpf/Patrick Gonçalves, BMW M3
 5º Fábio Greco/Valter Rossete, Ferrari F430 Challenge
 
GT3
 1º) 16 - M.Hahn/A.Khodair (LA, SP/SP), 32 voltas em 50:22.240 (média de 133,56 km/h)
 2º) 3 - R.Derani/C.Ricci (FE , SP/RS), a 8.724
 3º) 22 - P.Bonifacio/S.Jimenez (MB , SP/SP), a 11.890
 4º) 20 - F.Ebrahim/W.Ebrahim (AU , PR/PR), a 20.079
 5º) 1 Valdeno Brito/Constatino Jr (BM , PA/SP), a 26.479
 6º) 0 - Cacá Bueno/Claudio Dahruj (BM , SP/SP), a 31.770
 7º) 30 - C.Faria/D.Rosa (MB , SP/RS), a 1 volta
 8º) 61 - F.Croce/D.Croce (CO , SP/SP), a 1 volta
 9º) 105 - V.Faria/R.Guerra (MB , SP/SP), a 1 volta
 
Domingo, 18 de novembro
 09h30 - 10h20: Visitação aos Boxes
 13h31 - 14h21: Corrida 2 - (GT3/GT4)
 Neste domingo (18), a 2ª prova terá sua largada às 13h31 (horário local, uma hora a menos que o horário de Brasília) e será transmitida ao vivo pela Rede TV! e SporTV.
 
Autódromo de Campo Grande
Rua Furnas, 663/Santa Fé
 Campo Grande - MS
 O BMW Team Brasil tem o patrocínio do Banco BMG e BMW, co-patrocínio das empresas Eurobike, Lenovo e Ser Glass e os apoios: Beta Ferramentas, Salsa Mobion, AutoNeg e Corsa.
 
Grid 2ª corrida
 GT4
 1º) Vitor Gen,BMW M3, 1:31.524
 2º) Patrick Gonçalves - BMW M3, 1:32.820
 3º) Valter Pinheiro - Lotus Evora, 1:32.943
4º) Valter Rossete - Ferrari F430 Challenge, 1:33.695
 5º) Eduardo Oliveira - Ferrari Challenge, 1:33:815
 6º) Sergio Laganá - Aston Martin, 1:35.877

GT3
 1º) Cleber Faria - Mercedes-Benz SLS AMG, 1:25.168
 2º) Rafael Derani - Ferrari 458, 1:25.633
 3º) Fabio Ebrahim Audi R8 LMS ULTRA, 1:25.903
 4º) Vanuê Faria - Mercedes-Benz SLS AMG, 1:25.996
 5º) Paulo Bonifacio - Mercedes Benz SLS AMG, 1:26.050
 6º) Constatino Jr -BMW Z4 GT3, 1:26.262
 7º) Claudio Dahruj BMW Z4 GT3, 1:26.547
8º) Fernando Croce (Corvette, SP/SP), 1:26.961
 9º) Marcelo Hahn - Lamborghini LP600, 1:44.784
 
Classificação da GT3 (já com descarte):
 1 - Duda Rosa/Cleber Faria - Mercedes-Benz SLS AMG; 143 pontos;
 2 - Cacá Bueno/Cláudio Dahruj - BMW Z4 GT3 - 135;
 3 - Allam Khodair/Marcelo Hahn - Lamborghini LP600+ - 129;
 4 - Renan Guerra/Vanuê Faria - Mercedes-Benz SLS AMG - 119;
 5 - Sérgio Jimenez/Paulo Bonifácio - Mercedes SLS AMG - 110;
 6 - Wagner Ebrahim/Fábio Ebrahim - Audi R8 LMS - 107;
 7 - Cláudio Ricci/Rafael Derani - Ferrari 458 - 106;
 8 - Valdeno Brito/Constantino Júnior - BMW Z4 GT3 - 94;
 9 - Felipe Tozzo/Raijan Mascarelo - Ferrari F430 - 62;
 10 - Andersom Toso/Carlos Kray - Lamborghini LP520 - 59;
 
Classificação da GT4 (10 primeiros):
 1º) Sergio Laganá e Alan Hellmeister - Aston Martin Vantage, 154
 2º) Leonardo Cordeiro - BMW M3, 142
 3º) Valter Rossete e Fabio Greco - Ferrari F430 Challenge, 124
 4º) William Freire e Eduardo Oliveira - Ferrari Challenge, 122
 5º) Matheus Stumpf e Patrick Gonçalves - BMW M3, 118
 6º) Valter Pinheiro e Leonardo Burti - Lotus Evora, 113
 7º) Vitor Genz - BMW M3, 107
 8º) Ricardo Ricca e Cassio H. de Mello - Porsche 997 Cup GT4, 21
 9º) William Starostik - BMW M3,20
 10º) Marçal Melo e João Gonçalves - Ginetta G50, 13
 

GP Gaúcho de Motovelocidade define campeões neste final de semana


Corridas da última etapa no autódromo de Guaporé geram expectativas nos pilotos das categorias para motocicletas de 125 a 1000 cilindradas
 O GP Gaúcho de Motovelocidade define os campeões da temporada 2012 neste final de semana, no Autódromo Internacional de Guaporé. As corridas da sexta e última etapa são motivo de muita expectativa entre os pilotos, que correm em categorias para motocicletas de 125 a 1000 cilindradas.
 
Na classe que reúne as feras da Superbike Pro, Robson Portaluppi é o líder. Ele possui nove pontos de vantagem sobre Rogério Gentil Fernandes. “Vou largar focado no campeonato, pensando o tempo todo na matemática. Quero garantir o meu quarto título gaúcho”, avisou o piloto de Bento Gonçalves. “Não pretendo arriscar, mas vou manter um bom ritmo. A pista de Guaporé e de alta velocidade, não possui curvas tão travadas”, continuou.
 
A maioria das categorias chega à etapa final com os títulos indefinidos. Os outros líderes são Paulo Higino Moreira (Superbike Stock), Maico Colussi (Formula Turismo Pro), Rafael Portaluppi (300cc), Adelmo Kohl (Superbike Sport / Old Challenge), Luis Fernando Brum (Old Challenge Turismo Pro), Marcos Boeira (Formula Turismo Stock), Alessandro Jacobsen (Old Challenge Turismo Stock), Ilaine Ceratti (1000cc Feminino), Luana de Farias (600cc Feminino), Fabiano Vaz (250cc), Helencris Silva (250cc Feminino), Djonatas Catarina (125cc) e Odir Cicconeto (Old Challenge 250cc).
 
Há também os pilotos que garantiram as taças com uma rodada de antecipação e já podem comemorar: Rafael Bertagnolli (Fórmula Turismo Sport), Hebert Souza Pereira (250cc Ninja), Rogério Gentil Fernandes (Old Challenge Superbike Pro), Sérgio Borgonhoni Oliveira (Old Challenge Turismo Sport), Sérgio Alexandre da Rosa (Old Challenge 300cc) e Luis Antônio Araújo (Old Challenge 125cc).
 
O ingresso para as arquibancadas custa cinco reais, sendo que outra opção é a credencial que dá acesso ao padock (10 reais antecipado; 15 reais no dia do evento; e cinco reais para os motociclistas).
 
Sábado - 17/11
 
Das 8h30 às 8h45 – 125cc -Treino livre
 Das 8h50 às 9h05 – 250 e 300cc - Treino livre
 Das 9h10 às 9h25 – 1000cc e 600cc Feminino - Treino livre
 Das 9h30 às 9h45 – Superbike - Treino livre
 Das 9h50 às 10h05 – Fórmula Turismo - Treino livre
 Das 10h10 às 10h25 – 125cc -Treino livre
 Das 10h30 às 10h45 – 250 e 300cc - Treino livre
 Das 10h50 às 11h05 – 1000cc e 600cc Feminino - Treino livre
 Das 11h10 às 11h25 – Superbike - Treino livre
 Das 11h30 às 11h45 – Fórmula Turismo - Treino livre
 11h50 – Breefing com os pilotos
 Das 12h25 às 12h50 – Garupa Radical
 Das 12h55 às 13h10 – 125cc -Treino livre
 Das 13h15 às 13h30 – 250 e 300cc - Treino livre
 Das 13h35 às 15h50 – 1000cc e 600cc Feminino - Treino livre
 Das 13h55 às 14h10 – Superbike - Treino livre
 Das 14h15 às 14h30 – Fórmula Turismo - Treino livre
 Das 14h40 às 15h – 125cc -Treino cronometrado
 Das 15h10 às 15h30 – 250 e 300cc - Treino cronometrado
 Das 15h40 às 16h00 – 1000cc e 600cc Feminino - Treino cronometrado
 Das 16h10 às 16h30 – Superbike - Treino cronometrado
 Das 16h40 às 17h00 – Fórmula Turismo - Treino cronometrado
 
Domingo - 18/11
 
Das 8h45 às 9h – 125cc – Warm up
 Das 9h10 às 9h25 – 250 a 300cc – Warm up
 Das 9h35 às 9h50 – 1000cc e 600cc Feminino – Warm up
 Das 10h às 10h15 – Superbike – Warm up
 Das 10h25 às 10h40 – Fórmula Turismo – Warm up
 10h50 – Foto dos pilotos e abertura oficial
 11h30 – Prova – 125cc (11 voltas)
 12h20 – Breefing com os pilotos
 12h25 às 12h40 – Garupa Radical
 13h – Prova 250 e 300cc (11 voltas)
 14h – Prova 1000cc e 600cc Feminino (10 voltas)
 15h – Prova Superbike (15 voltas)
 16h – Prova Fórmula Turismo (11 voltas)
 
Com organização da Associação Gaúcha de Esportes Motociclísticos (AGEM), o GP Gaúcho de Motovelocidade tem o patrocínio de Pirelli, Zuun Motorcycles, Transportes Spolier, Sulfer, Impacto Motos e Servitec. O evento conta com o apoio de Chacal Fotografias, Rádio Cross.Mundo Press

Campeonato Brasileiro de Gran Turismo chega à Campo Grande

Carros dos sonhos correm neste fim de semana na capital do Mato Grosso do Sul

O Campeonato Brasileiro de Gran Turismo chega em Campo Grande, Rio Grande do Sul, neste fim de semana para a disputa da sexta etapa da temporada 2012. Na categoria GT3 os líderes são Cleber Faria e Duda Rosa, de Mercedes-Benz SLS AMG com 134 pontos, seguidos por Cacá Bueno e Cláudio Dahruj, de BMW Z4, com 125 e Renan Guerra e Vanuê Faria, também de SLS, com 113. A corrida no domingo (18), às 13h30, horário de Campo Grande, terá transmissão ao vivo da RedeTV, SporTV e PortalGT.com.br.

 

Segundo colocado, Cacá Bueno vai com boa expectativa para Campo Grande. "Conseguimos evoluir bem o carro na última etapa em Guaporé e acho que estaremos ainda mais competitivos neste fim de semana. O traçado não é dos mais fáceis, então nossa expectativa é diminuir ainda mais a diferença para os líderes ou até mesmo conseguir assumir a ponta na tabela de pontos", diz o piloto.

 

"A pista é muito desgastante, por isso temos que fazer um set up no qual a gente possa atacar no final da corrida e isso é bem possível. Nunca tive a oportunidade de andar lá na GT, mas em outras já venci. Vai ser uma etapa difícil, mas acredito que o nosso desempenho no final deva ser bom", encerra Cacá Bueno. Terceiro colocado na disputa, Renan Guerra, da SLS AMG número 105 espera uma corrida complicada.

 

"Testamos em Campo Grande semana passada e o que mais me chamou a atenção foi a quantidade de sujeira na pista. O vento constante ainda leva mais terra para o traçado e qualquer escapadinha a chance de um acidente é grande. Deverá ser um fim de semana difícil para todos, mas a Mercedes se comporta bem, principalmente por não desgastar demais os pneus", destaca Renan Guerra. 

 

Quarto lugar no campeonato, Allam Khodair espera buscar bom resultado com a sua Lamborghini LP600+. "Campo Grande é uma pista muito suja e abrasiva, por isso precisamos ver como o carro vai se comportar nestas condições. Já obtive bons resultados lá na Stock, então espero que seja um bom fim de semana", destaca. Já seu parceiro de pilotagem, Marcelo Hahn, se mostra ansioso pelo retorno.

 

"Já estava bastante ansioso para voltar a corrida, ter o contato com o carro e a equipe. Estamos fazendo um grande trabalho este ano, com chances de título, e é isso que buscaremos nesta reta final", encerra Hahn. Com uma troca de pneus obrigatória durante a corrida a sexta etapa da temporada terá ainda a presença do Mercedes-Benz Grand Challenge e do Elf SuperBike. 

 

Classificação do Campeonato - GT3

1 - Duda Rosa/Cleber Faria - Mercedes-Benz SLS AMG; 134 pontos;

2 - Cacá Bueno/Cláudio Dahruj - BMW Z4 GT3 - 125 ;

3 - Renan Guerra/Vanuê Faria - Mercedes-Benz SLS AMG - 113;

4 - Allam Khodair/Marcelo Hahn - Lamborghini LP600+ - 109;

5 - Sérgio Jimenez/Paulo Bonifácio - Mercedes SLS AMG - 95;

6 - Wagner Ebrahim/Fábio Ebrahim - Audi R8 LMS - 94;

7 - Cláudio Ricci/Rafael Derani - Ferrari 458 - 89;

8 - Valdeno Brito/Constantino Júnior - BMW Z4 GT3 - 83;

9 - Felipe Tozzo/Raijan Mascarelo - Ferrari F430 - 55;

10 - Andersom Toso/Carlos Kray - Lamborghini LP520 - 54;

11 - Ronaldo Kastropil - Lamborghini LP600; 47;

12 - Fernando Poeta - Lamborghini LP560 - 37;

12 - Cristiano Almeida/Pierre Ventura - Lamborghini LP520 - 37;

14 - Roger Sandoval - Lamborghini LP560 - 35;

15 - Henrique Assunção - Lamborghini LP 600+; 33;

16 - Guilherme Figueiroa/Júlio Campos - Lamborghini LP600 - 28;

17 - Felipe Roso/Vinícius Roso - Ferrari F430 - 21;

18 - Ramon Matias - Dodge Viper Competition Coupé - 20;

19 - Fernando Croce/Fernando G. Croce - Corvette Z06R - 19;

20 - Alexandre Buneder - Lamborghini LP560 - 17;

21 - Bruno Garfinkel - Lamborghini LP600 - 16;

22 - Popó Bueno/Marcelo Franco - Ford GT - 11;

23 - Walter Derani - Ferrari F430 - 11;

24 - Fernando Fortes - Dogde Viper Competition Coupé - 10

25 - Renato Cattalini - Dodge Viper Competition Coupé - 9;

26 - Lorenzo Varassin - Dodge Viper Competition Coupé - 8;

 

Programação completa em Campo Grande:

Horário local: Menos uma hora em relação à Brasília

SEXTA-FEIRA, 16 DE NOVEMBRO DE 2012

08h30 - 09h15: Treino Livre 1 - Elf SuperBike

09h25 - 10h10: Treino Livre 1 - Mercedes-Benz Grand Challenge

10h20 - 11h05: Treino Livre 2 - Elf SuperBike

11h15 - 12h00: Treino Livre 2 - Mercedes-Benz Grand Challenge

12h40 - 13h40: Treino Livre 1 - Campeonato Brasileiro de Gran Turismo (GT3/GTP/GT4)

13h50 - 14h35: Treino Livre 3 - Mercedes-Benz Grand Challenge

14h45 - 15h30: Treino Livre 3 - Elf SuperBike

15h40 - 16h40: Treino Livre 2 - Campeonato Brasileiro de Gran Turismo (GTP/GT4)

16h45 - 17h45: Treino Livre 2 - Campeonato Brasileiro de Gran Turismo (GT3)

 

SÁBADO, 17 DE NOVEMBRO DE 2012

08h40 - 08h55: Classificação - Mercedes-Benz Grand Challenge

09h05 - 09h35: Classificação Corrida 1 - Campeonato Brasileiro de GT (GT4/P)

09h40 - 10h10: Classificação Corrida 1 - Campeonato Brasileiro de GT (GT3)

10h20 - 10h50: Classificação Corrida 2 - Campeonato Brasileiro de GT (GT4/P)

10h55 - 11h25: Classificação Corrida 2 - Campeonato Brasileiro de GT (GT3)

11h35 - 12h10: Classificação 1 - Elf SuperBike

13h53 - 14h23: Corrida 1 - Mercedes-Benz Grand Challenge

14h35 - 15h10: Classificação 2 - Elf SuperBike

15H43 - 16h33: Corrida 1 - Campeonato Brasileiro de Gran Turismo

16H48 - 17H23: Classificação 3 - Elf SuperBike

17h33 - 17h43: Super Pole - Elf SuperBike

 

DOMINGO, 18 DE NOVEMBRO DE 2012

08h30 - 08h45: Warm-up - Mercedes-Benz Grand Challenge

09h00 - 09h15: Warm-up - Elf SuperBike

09h30 - 10h20: Visitação aos Boxes

11h01 - 11h31: Corrida 2 - Mercedes-Benz Grand Challenge

12h07 - 12h37: Corrida - Elf SuperBike

13h31 - 14h21: Corrida 2 - Campeonato Brasileiro de Gran Turismo

Pesquisar